Faz tempo que o avião MH17 caiu no leste da Ucrânia, dúvidas permanecem

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

O ex-vice-presidente da OSCE, Willy Wimmer, disse que o inquérito sobre o acidente do voo da Malásia MH17 ainda levanta muitas dúvidas. Segunda-feira fez três anos que o avião da Malaysia Airlines MH17 caiu no leste da Ucrânia. Todos os 298 passageiros e tripulantes a bordo morreram.

Uma equipa de Investigação Conjunta (JIT), fez uma investigação ao acidente, constituída por pesquisadores e especialistas de aviação da Holanda, Bélgica, Austrália, Malásia e Ucrânia. Segundo a RT a investigação não teve em conta os dados fornecidos pelas autoridades Russas que ajudariam a determinar como o acidente aconteceu.

O interessante é que eu vivo junto à fronteira Alemã e costumo gostar de ir à Holanda. Os holandeses têm os aviões de vigilância aérea da NATO “AWACS”, que fazem parte da Ucrânia. Estes devem estar familiarizados com todos os eventos nessas áreas, no entanto, nada destes eventos foram explicados ao público. Referiu Willy Wimmer

Willy Wimmer referiu que não existe esperança para obter respostas no meio de tantas questões levantadas. Este lembrou que não se deve esquecer que passado umas semanas um segundo avião da mesma companhia caiu. O que levou aos dois aviões caírem ainda não se sabe, o que não encaixa no historial de acidentes aéreos na Europa, referiu Wimmer, que acrescentou que as denominadas “investigações” a acidentes aéreos no espaço Europeu têm sido continuamente politizados.

 

 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!